Consumir azeite pode prevenir um AVC em pessoas idosas

Consumir azeite pode prevenir um AVC em pessoas idosas

Neurologia
Typography

Consumir azeite pode prevenir um AVC em pessoas idosas. É o que diz um estudo publicado no jornal médico da Academia Americana de Neurologia.

 

A autora do estudo, Cécilia Samieri, da Universidade de Boudeaux e do Instituto Nacional de Saúde e Pesquisa Médica, na França, juntamente com sua equipe, examinou os registros médicos de 7625 pessoas com idade a partir de 65 anos de três cidades francesas. Os participantes não tinham histórico de derrame. Eles foram divididos em 3 grupos de acordo com o consumo de óleo de oliva extra-virgem: “nenhum uso”, “uso moderado” e “uso intenso”.



Após 5 anos, foram constatados 148 acidentes vasculares cerebrais. Aqueles que utilizaram regularmente o azeite tiveram um risco de 41% menor de AVC em comparação com aqueles que nunca usaram óleo de oliva em sua dieta.

Várias pesquisas associam o azeite como protetor contra muitos fatores de risco cardiovascular, como diabetes, pressão alta, colesterol e obesidade. Mas ainda não está claro quais elementos do azeite de oliva oferecem essa proteção. Outros ensaios clínicos são necessários para que médicos possam recomendar seguramente o azeite como um alimento que ajuda a prevenir o AVC.



Fonte: Academia Americana de Neurologia